Como conhecer mulher na rua em 8 passos

Fala meus camaradinhas! Tudo bem com vocês? Como estão com as mulheres? Mandando bem ou não? Eu espero que sim!

Hoje o assunto é bem legal e vai ser útil pra muitos caras que tem me procurado: como conhecer mulheres na rua e desenrolar um bom assunto com ela, pegando telefone e muitas vezes até beijando ali mesmo ou indo para um café ou barzinho. Quando eu falo isso para algum cara, a maioria deles reagem assim:

Se é loco? Como isso? Mentira!

Outros reagem assim:

Tá bom, e eu sou o Brad Pitt!

Pois é, para quem não tem a técnica certa ou até mesmo não possui confiança pode parecer realmente assustador e algo de outro mundo, mas eu vim trazer aqui para vocês, meus caros amigos, 8 passos que vão lhe ajudar e muito para você conhecer mulheres que achou interessante na rua! Let’s go, fellas! 😉

como-conhecer-mulher-na-rua

1# Evitar os pensamentos negativos

Eu já deixei claro no exemplo acima ali o que muitos caras pensam quando digo que converso, conheço, pego telefone e até beijo a partir de um momento criado na rua. O que acontece com muitos homens é que NEM ELES MESMOS acreditam no potencial que são capazes, quando algum cara me diz que é impossível, eu digo:

O impossível é só uma questão de opinião!

Nossa mente está condicionada a manter-nos na famosa e terrível zona de conforto, então, quando nos propomos a fazer algo diferente do que estamos acostumados a fazer ela faz de tudo para não fazermos aquilo, isso mesmo, UMA SABOTAGEM criada pela sua própria mente! Olhem só alguns pensamentos que temos e me diz se você não tem um deles quando pensa em abordar uma mulher na rua:

Ela vai chamar a polícia pra mim!

Ou:

Vão achar que eu sou louco!

Ou:

Ela vai me recusar, sou muito feio pra ela!

Ou:

Todos vão ficar me olhando e achando estranho!

É ou não é? Eu sei disso pois tinha TODOS eles. Mas a verdade é que nada disso vai acontecer, muitas vezes o que você pensa que será trágico se torna uma experiência maravilhosa e você sai realizado da interação com a mulher, então: PENSE POSITIVO, FELLA!

2# Tenha um estilo legal

Quando eu digo isso não me refiro nem a você fazer uma academia, ficar fortão, com um corpo fitness ou algo do tipo, e sim ter um estilo bacana. Se você ainda não tem muita confiança é hora de mudar o estilo e criar um que você se sinta mais confiante para abordar mulheres na rua, isso facilitará bastante.

Que tal uma calça skinny, uma camisa social e um chapéu? Ou quem sabe uma corrente e/ou uma pulseira? Tudo isso ajuda no estilo e na aceitação das mulheres com relação a você. Não tô falando que o seu estilo é ruim, mas, que, caso você se sinta a vontade e mais confiante, experimente mudar um pouco o estilo ou adequar um acessório ao seu! 🙂

3# A abordagem

Quando abordamos uma mulher na rua devemos fazer isso com calma, naturalidade e principalmente tranquilidade, pois ela pode achar que algo de ruim pode acontecer, principalmente nas cidades grandes. Ao abordar uma mulher, leve em consideração as seguintes dicas:

  • Aborde-a de frente, ou no máximo, de lado (nunca com ela de costas totalmente);
  • Esteja sempre sorrindo para passar a mensagem de que você não é nenhum maníaco ou assaltante;
  • Ao pará-la, você deve ser sincero e dizer o motivo pelo qual fez isso;
  • Fale em um tom de voz agradável (nem alto, nem baixo), mas faça ela te ouvir;

Ok, bacana. Mas qual a frase no 3º ponto que combinaria bem? Cito um exemplo clássico e bem funcional:

Oi, com licença! Tô um pouco atrasado (falsa pista de tempo, dando a ideia de você não irá demorar), tava indo ali pra tal lugar, mas te vi e vim aqui correndo te dizer um oi, te achei muito estilosa! Qual seu nome?

Essa é uma abordagem sincera e objetiva. Você disse para onde estava indo, mas que quando a viu decidiu conhecê-la pois achou o estilo dela legal, nessa hora vale improvisar e falar outras coisas: achou o cabelo bacana, a roupa, etc.

4# O papo

Perceberam que no último ponto eu utilizei a abordagem e logo mudei de papo? Pois é, disse o motivo pelo qual a parei e em seguida já perguntei qual era o nome dela. Essa mudança de papo faz ela assimilar rapidamente o que está acontecendo e em seguida já faz a mente dela retrabalhar para responder a pergunta do nome. 😉

Você deve contribuir bastante sobre sua vida para que o papo possa fluir, além de questionar um pouco da dela também. Há mulheres que adoram falar de si mesmas, outras estarão mais retraídas, então você deve perceber com qual tipo de mulher está lidando e adaptar o papo conforme a mulher em questão.

Falar de coisas que remetam a coisas boas como viagem, férias, música, shows e festas em geral são boas apostas, pois são papos considerados coringas que praticamente todo mundo gosta de falar. Uma dica importante: COLOQUE EMOÇÃO NO ASSUNTO, INDEPENDENTE DE QUAL SEJA!

5# Não tenha objetivo

Há quem discorde disso, mas eu gosto assim. Você não deve abordar uma mulher com a intenção na cabeça, do tipo: vou tentar beijar essa, vou tentar pegar o telefone dessa ou vou tentar desenrolar um encontro com isso. Pra mim, você deve abordar para desenvolver suas habilidades sociais, para se divertir, para conhecer gente nova e por aí vai.

Quando você objetiva algo e não consegue, acaba ficando frustrado, além de ficar pensando toda hora durante a interação: será que vou conseguir? Então, por mim, sem objetivos. Para falar que nã otenho objetivos, vou citar um que uso sempre: dar o melhor de mim!

6# Saiba captar o feeling

Ham, como assim? Pois é, você deve estar sempre atento ao feeling da interação, muitas mulheres deixam transparecer visualmente quando estão gostando ou não do papo ou da interação. Você precisa ser ligeiro e isso se pega com a prática, portanto, saiba captar para levar a interação adiante, quem sabe para um beijo e até mesmo para um instant date (encontro instantâneo).

Captar o feeling também é útil para saber trocar o assunto, como foi dito. As vezes o assunto pode ser legal, MAS SÓ PRA VOCÊ! Então, esteja atento para ter a noção se está sendo agradável ou se está causando uma má impressão! 😉

como-conhecer-uma-mulher-na-rua

7# Nunca desista

Você não será o Dom Juan do dia pra noite, para isso, você levará milhares de foras, de nãos, de caras feias e etc. Mas quem liga? Você está evoluindo, saindo da sua zona de conforto e isso é formidável! Há milhares de motivos para uma mulher não parar na rua para falar com você:

  • Ela é casada;
  • Ela namora;
  • Ela realmente está atrasada;
  • Ela está de TPM;
  • Ela está tendo um dia ruim;

Quando você não conseguir captar a atenção dela e pará-la, não fique enchendo o saco da mulher, não fique insistindo, ela tem os motivos dela e você DEVE respeitar isso. Para cada mulher que não conversa com você, há pelo menos 3 que serão bem mais receptivas, então, bola pra frente! 🙂

8# Um livro que vai te ajudar

Quando comecei a amadurecer a ideia de conhecer mulheres na rua eu tava completamente perdido, e não encontrava nenhum material igual esse na internet, e o que eu fiz? Fui atrás de um livro: procurei, procurei, procurei até achar um que CAIU COMO UMA LUVA, ele falou o que eu precisava saber e deu MUITO MAIS TÉCNICAS que eu precisava, para, de fato, me sair melhor nas interações!

Muitas dessas dicas eu retirei da minha prática, e algumas me baseei no livro para escrever. Pois bem, o nome do livro é Como Abordar Mulheres Com Sucesso, e o melhor: ele é digital, você consegue lê-lo no trem, no metrô, na rua, no ônibus. Foi uma mão na roda total pra mim, então certamente vai ser pra você também!

Quem quiser conhecer o site oficial dele, é só clicar aqui. O valor é de 80 reais, além deles dividirem em 12 vezes no cartão. VALE A PENA DEMAIS!

Pois bem galera, fica aí algumas experiências e dicas que tentei passar com o que eu vivo, espero que seja útil e caso queiram tirar alguma dúvida, é só perguntar aqui abaixo ou curtir a nossa página do Facebook clicando aqui! Abraços!

3 Responses to Como conhecer mulher na rua em 8 passos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *